Click na imagem para aceder ao site

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Dia Mundial da Criança, em Arronches

Ente as 9h00 e as 12h30 numa organização da CPCJ que contou com o apoio do Município, Agrupamento de Escolas, CBES, GNR e Bombeiros, decorreram hoje as actividades programadas que se repartiram pela zona ribeira (Parque de Caravanas) e que contou com a presença do Vice-presidente do Município e da Directora do Agrupamento de Escolas de Arronches. 

Neste local desenvolveram-se actividades que contaram com a colaboração de professores, animadores culturais, elementos da GNR de Arronches e Elvas e Bombeiros Voluntários de Arronches. 

Os carrinhos da GNR habituais nestes eventos com crianças têm a componente de tornar mais conscientes os futuros condutores aprendendo as normas de segurança e cumprimento das leis que regulam o trânsito. Também o ambiente não foi descurado mas, a pequenada vibrou com o passeio de barco no Rio Caia, numa manhã em que o sol algo envergonhado, acabou por aparecer nos seus rostos, eles por si já radiantes.
No Jardim do fosso esteve presente a componente cultural com um teatro. Terminando esta manhã em que se celebra o Dia Mundial da Criança.
"Esta efeméride assinalou-se pela primeira vez em 1950 por iniciativa das Nações Unidas, com o objectivo de chamar a atenção para os problemas que as crianças então enfrentavam. Neste dia, os Estados-Membros reconheceram que todas as crianças, independentemente da raça, cor, religião, origem social, país de origem, têm direito a afecto, amor e compreensão, alimentação adequada, cuidados médicos, educação gratuita, protecção contra todas as formas de exploração e a crescer num clima de Paz e Fraternidade.
O Dia Mundial da Criança é assinalado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a 20 de Novembro, data em que no ano de 1959 foram aprovados pela Assembleia-Geral da ONU os Direitos da Criança. Na mesma data (20 de Novembro), mas no ano de 1989, foi adoptada pela Assembleia-Geral da ONU a Convenção dos Direitos da Criança que Portugal ratificou em 21 de Setembro de 1990.
No entanto, ainda hoje estão por cumprir muitos dos princípios da Declaração Universal dos Direitos da Criança. A Unicef revelou que há 30 milhões de crianças em extrema dificuldade, nos países ditos desenvolvidos.
Este é um dia que fará todo o sentido lembrar enquanto existirem no mundo crianças a quem são negados os cuidados mais básicos como o amor, a saúde e segurança
Num mundo actual em que se estão perdendo os valores básicos no que ao respeito, deveres e direitos que cada cidadão devem sempre ter em conta, nunca será demais aproveitar, pelo menos deste dia, para incutir esses valores nas crianças.








0 comentários: