terça-feira, 18 de outubro de 2016

Hotel Rural Santo António presente na assinatura da Carta de Cooperação para a Certificação com o selo "Biosphere Responsible Tourism"

A assinatura oficial para a certificação internacional do destino turístico Alentejo e Ribatejo arrancou oficialmente no passado dia 14 de Outubro.
O local escolhido foi a cidade de Évora e a Carta de Cooperação para a Certificação foi assinada entre a Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo (ERTAR) e o Instituto do Turismo Responsável (ITR), organismo internacional independente do Conselho Global para o Turismo Sustentável (GSTC) e da Organização Mundial de Turismo (UNWTO) sob a égide da Organização das Nações Unidas (ONU).

Na ocasião em declarações ao Jornal Público, Ceia da Silva, referiu que “no final do processo, pretendemos não apenas garantir para o Alentejo e Ribatejo, mais qualidade ambiental, cultural e social, mas também ter um negócio melhor, com melhores hotéis e melhor serviço”
Recorde-se que o Instituto de Turismo Responsável - ITR é a entidade certificadora com o selo Biosphere Responsible Tourism, que reconhece a responsabilidade ambiental, cultural e social na actividade turística.
A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho,” esteve presente na Conferência Internacional Certificação do Destino, que deu o “tiro de partida” ao processo e elogiou a iniciativa da Entidade de Turismo do Alentejo e Ribatejo para ser o primeiro destino turístico certificado em Portugal e um dos primeiros no mundo”. Segundo escreve o Público.
Jorge Velez, Director do Hotel Rural Santo António em Arronches, que foi convidado a fazer parte do painel de oradores desta conferência, referiu ao N.A. “que o hotel se encontra em processo já de certificação Biosphere – Sustentabilidade do Turismo” e que deu o seu testemunho enquanto orador no processo de certificação.
A assinatura desta Carta tem entre outras, a finalidade de formalizar, também, a adesão do Alentejo e do Ribatejo à Carta Mundial do Turismo Sustentável, com que as Nações Unidas definiram, há 21 anos, a contribuição do Turismo para o desenvolvimento sustentável e que passa por quatro áreas; paz e tolerância, conservação e biodiversidade, mudanças climáticas, e economia mundial. Acrescenta o Público.
(Fonte-Público-fotos Jorge Velez)

0 comentários: