sábado, 3 de setembro de 2016

“Arronches” ruma a Lisboa para acompanhar os ganadeiros Romão Tenório na sua última presença esta temporada no Campo Pequeno

Está a gerar grande expectativa entre os aficionados arronchenses a presença da ganadaria de Francisco Romão Tenório na próxima 5ª-feira no Campo Pequeno, com um cartaz de primeira grandeza com João Moura, Pablo Hermoso de Mendoza e João Moura Jr.
O Município de Arronches sensível a esta expectativa, pela consideração e admiração pelo ganadeiro local, decidiu disponibilizar um autocarro para esta deslocação à praça lisboeta.

Os arronchenses conhecem bem a simpatia e disponibilidade do Sr. Francisco e da Dª Guidinha -como por aqui é carinhosamente tratada- e a sua afición em manterem esta ganadaria. É pois mais do que justificado todo este apoio aos ganadeiros representativos do Concelho de Arronches na criação do touro bravo.
Em recente declaração ao gabinete de comunicação do Campo Pequeno, Francisco Romão Tenório diz que a “esperança e confiança são os sentimentos que o ganadeiro Francisco Romão Tenório demonstra face à corrida de 8 de Setembro, no Campo Pequeno", para a qual enviará um curro de toiros da sua divisa. Acrescentando que tem “esperança, na qualidade dos toiros que apartou para essa noite. Que sejam tão bons como os das corridas já lidadas nesta temporada”. Confiança, “pela experiência que os artistas que os vão lidar têm, não só do encaste Murube/Urquijo, como experiência na lide de touros da minha ganadaria”, acrescenta.
Embora alertando para o risco que constitui fazer antevisões sobre o comportamento do touro em praça, sublinha o facto de a sua ganadaria ser uma das preferidas pelas grandes figuras do toureio a cavalo da actualidade. “É muito gratificante para mim, enquanto ganadeiro, saber que as grandes figuras da actualidade gostam de tourear os meus touros, pelos grandes êxitos que lhes têm proporcionado”.
Falando especificamente dos touros para 8 de Setembro, Francisco Romão Tenório diz que “estão bem no tipo do respectivo encaste (negros de pelagem, ligeiramente bragados, menos cabanos do que por vezes sucede com os ‘Murube-Urquijo’) com caras muito harmoniosas e pesos que, por certo, lhes permitirão boa mobilidade”.
Com uma coisa podem estar certos os ganadeiros arronchenses: Apoio não lhes vai faltar por parte dos seus conterrâneos nesta noite importante para a sua ganadaria e para o toureio a cavalo em Portugal.(fotos-D.R.)

0 comentários: