NOTÍCIAS DE ARRONCHES - A informação ao seu alcance

NOTÍCIAS DE ARRONCHES - A informação ao seu alcance

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Uma pequena multidão fez a caminhada e reuniu-se no Rei Santo para passar um dia com devoção e confraternização

Inserida no Circuito de Caminhadas de Arronches, decorreu no domingo, 19 de Abril, mais uma tradicional Caminhada até à Ermida do Rei Santo. No circuito das caminhadas que o Município desenvolve está é, naturalmente, a que maior participação regista, quer de habitantes do concelho, fora deste, bem como da vizinha Espanha. 
Não andaremos muito longe da realidade se cifrarmos a participação de caminheiros em mais de 300. Da Freguesia de Assunção partiram do Estádio Municipal cerca de 200, entre 80 a 100 da Freguesia de Esperança, incluindo os espanhóis vindos de La Codosera, e cerca de trinta da Freguesia dos Mosteiros.
Se a tudo isto juntarmos aqueles que não foram na caminhada, mas que se deslocaram em viaturas e cavalos, eram uma verdadeira multidão que se espalhava em redor da Ermida do Rei Santo.
(Ler mais na edição em papel de Abril)

















domingo, 19 de abril de 2015

Mosteirense vence por 3-1 o Fronteirense na 5ª Jornada da 2ª fase da 1ª Divisão Distrital

Pela quinta vez nesta temporada, o Futebol Clube Mosteirense vence o Fronteirense. Perante esta evidência será contudo de realçar que esta equipa do Fronteirense é uma equipa que joga um bom futebol, ocupa bem os espaços no rectângulo de jogo mas, não concretiza perante a equipa dos Mosteiros, o número de golos para vencer os jogos.
A primeira parte deste jogo foi na realidade muito bem disputada, com um grande equilíbrio das duas equipas. O Mosteirense a sair com um futebol mais apoiado e o Fronteirense com o guardião Crespo a tentar bater as bolas longas, para as colocar nas costas dos defesas da equipa da casa, quer nas laterais quer no corredor central.
A um minuto do árbitro João Roque apitar para dar por finalizada a primeira parte, o Mosteirense colocou-se em vantagem. Na cobrança de uma falta, Rui Santos apareceu na cara do guarda-redes Crespo, e remata de cabeça para o fundo das redes.
A segunda parte seria mais emotiva e muito bem disputada. Num cruzamento remate de Fernando Toscano, Crespo defendeu para a frente e Ricardo Espirito Santo marcava o segundo golo para o Mosteirense quando eram decorridos apenas sete minutos do segundo tempo.
O Mosteirense parecia caminhar para uma segunda parte tranquila quando passados três minutos, novamente na marcação de uma bola parada, o capitão Rosinha, de cabeça faria o terceiro para contagem da sua equipa. Só que, do outro lado, estava uma equipa aguerrida, que não baixou os braços. Aos 12’ na marcação de um canto, Marco Valente aparece sem marcação na área de Camané e fez aquele que seria o primeiro, e único golo da sua equipa. Podia ter sido o relançar da partida mas, isso não veio a acontecer, porque o Mosteirense geriu bem o jogo.
A equipa da casa podia até ter aumentado o resultado. Decorria o minuto oitenta e cinco, quando Ricardo E. Santo apareceu na área rematou forte mas, Crespo respondeu com uma grande defesa.
O Mosteirense averbou mais uma vitória nesta sua participação na 2ª fase do Campeonato, seguindo em segundo na tabela classificativa, onde continua na frente o Crato. Como nota a salientar a excelente prestação da equipa de arbitragem da equipa chefiada por João Roque.








sexta-feira, 17 de abril de 2015

Caminhada ao Rei Santo

Inserida no Circuito de Caminhadas de Arronches, terá lugar no próximo domingo, 19 de Abril, mais uma tradicional Caminhada até à Ermida do Rei Santo. No circuito das caminhadas que o Município desenvolve está é, naturalmente, a que maior participação regista, quer de habitantes do concelho, fora deste, bem como da vizinha Espanha.
Várias são as componentes para que assim seja. O tempo quase sempre primaveril na verdadeira acepção da palavra; a devoção e a confraternização no alto da colina em torno de um bom almoço, desfrutando de uma paisagem magnífica. Tudo isto depois das cerimónias religiosas que decorrem na bonita e bem cuidada capela dedicada ao Santo.
A partida verificar-se-á na Zona Desportiva de Arronches pelas 9h30 e com saídas das Freguesias de Assunção, Mosteiros e Esperança. A Câmara Municipal disponibiliza um autocarro com partida às 9h15 da Praça da República. O regresso no autocarro terá lugar no final da rampa que leva ao Rei Santo, após as cerimónias religiosas.

Comemorações do 41º Aniversário do 25 de Abril em Arronches

O Município de Arronches vai comemora o 41º Aniversário do 25 de Abril com um programa que inclui uma solta de pombos pelas 9 horas da manhã, seguindo-se pelas 9h30, o Içar da Bandeira nos Paços do Concelho e nas Juntas de Freguesia de Assunção, Mosteiros e Esperança. Este acto do Içar da Bandeira e o recorrido pelas três Freguesias do Concelho, com todos os eleitos dos vários órgãos autárquicos e população, terá a participação da Banda Euterpe de Portalegre.
A parte da tarde é dedicada ao desporto com a corrida de Patins em Linha e demonstração de patinagem Freestyle, terminando já pela noite no Jardim do Fosso com música dedicada à população mais jovem.

Treino Técnico Operacional - 1º COS do Distrito de Portalegre

De acordo com o definido no Plano de Actividades para o Distrito de Portalegre, oportunamente apresentado na reunião de Quadros de Comando que se realizou no passado dia 24 de Janeiro em Alter do Chão, decorreu no fim-de-semana de 14/15 de Março, a primeira acção de formação de 1º COS (Comandante de Operações de Socorro).
Este treino foi composto por três acções que se realizaram em três fins-de-semana consecutivos, abrangendo a totalidade das Corporações de Bombeiros (C.B.) do distrito e cuja realização contou com a participação dos formadores de incêndios florestais de Portalegre.
A primeira acção concretizou-se na C.B. de Fronteira, onde estiveram presentes 16 formandos oriundos das C.B. de Avis, Campo Maior, Elvas, Fronteira e Sousel, bem como um elemento de cada equipa de sapadores dos Municípios das Corporações de Bombeiros envolvidas.


Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Arronches, presente no Encontro Interdistrital em Beja

- João Crespo, Presidente da CPCJ de Arronches durante a sua intervenção - 
A Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Arronches esteve presente, a convite da Rede Europeia Anti Pobreza (EAPN), no Encontro Interdistrital dedicado ao tema “Intervenção com as Comunidades Ciganas: a escolarização” que se realizou no passado dia 10, no auditório do Instituto Politécnico de Beja.
Apesar do Concelho Arronches não ter uma comunidade cigana residente, o convite à participação teve como objectivo a divulgação do Plano Local de Promoção e Protecção dos Direitos da Criança do Concelho de Arronches, elaborado no âmbito do “Projecto Tecer a Prevenção”, e apresentá-lo a outras CPCJ’s.. Desta forma procurou-se, não só mostrar o trabalho já realizado e em curso, mas incentivar outras Comissões de Protecção a aderir a este projecto promovido pela Comissão Nacional de Protecção de Crianças e Jovens em Risco.
A apresentar o Plano Local de Promoção e Protecção dos Direitos da Criança do Concelho de Arronches esteve o Presidente da CPCJ, João Crespo, acompanhado pela secretária da Comissão, Maria João Fernandes e por Ana Pedreira, representante do Ministério da Educação e Ciência na CPCJ de Arronches.
O Plano Local de Protecção dos Direitos da Criança de Arronches foi apresentado publicamente em Junho de 2014, incluído no Seminário “Prevenir para Proteger”, organizado pela CPCJ de Arronches e está, neste momento, em fase de implementação com a realização de várias acções junto de pais e encarregados de educação e dos jovens que frequentam actividades promovidas pelas Associações Culturais e Desportivas do Concelho de Arronches.

quarta-feira, 15 de abril de 2015

O Comando Operacional Distrital de Portalegre da Protecção Civil reuniu em Arronches

O Comandante Operacional Distrital de Portalegre, Belo Costa, reuniu hoje, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Arronches num briefing, com vários elementos responsáveis pela Protecção Civil no Distrito.
A Presidente da Câmara Municipal de Arronches, Fermelinda Carvalho, como principal responsável pela Protecção Civil no Concelho, por inerência do cargo político que desempenha, deu as boas vindas aos presentes nesta reunião.
O Comandante Belo Costa fez uma exposição detalhada da situação a nível do Distrito e do Concelho, respeitante ao ano de 2014 e de 2015 com alguns dados já referentes ao presente mês de Abril.
Das mais de 5.000 ocorrências registadas em 2014, apenas 170 dizem respeito ao Concelho de Arronches, onde se registaram 11 incêndios.
De forma sintetizada e através dos gráficos apresentados, ficou-se a saber que no respeitante a incêndios florestais estes diminuíram mas, já a área ardida aumentou, sendo que o padrão de área ardida se cifra nos 3.000 hectares. Em grande parte esta evidência deve-se a uma resposta eficiente por parte dos bombeiros, conjuntamente com as outras forças operacionais envolvidas. No que se refere ao Concelho de Arronches o Comandante Operacional Distrital da Protecção Civil considera que, quanto aos Bombeiros Voluntários de Arronches, “está tudo operacional quanto a dispositivos de vigilância e detecção”. Todas as ocorrências registadas em Arronches “foram resolvidas no ataque inicial aos incêndios”, o que para o responsável máximo a nível distrital é “digno de registo”.
Os gráficos apresentados e referentes ao ano de 2015, dão-nos conta que em termos comparativos, este é o 2º pior ano no que concerne a incêndios no Distrito.
O Eng.º João Costa da Protecção Civil, salientou na sua intervenção, que as bacias hidrográficas do Tejo e Guadiana, que estão inseridas no Distrito de Portalegre, até 31 de Março, houve um aumento em 13 e um decréscimo em nove delas. Mais concretamente e porque são as que envolvem o Concelho de Arronches, a do Abrilongo regista 86,6% da sua capacidade de armazenamento e a do Caia 79,8%. Esta última encontra-se por agora numa linha de preocupação, se bem que, para este responsável da Protecção Civil, o I.M.A.A, ainda prevê alguma pluviosidade para os próximos tempos.
No que ao planeamento se refere, é imperioso fazê-lo atempadamente, sobretudo as pré-contratualizações nos fornecimentos de combustíveis, alimentação e máquinas, por exemplo de rastos, porque isso pode dificultar por vezes a operacionalidade das forças envolvidas nos combates aos incêndios, sublinhou Belo Costa.
O Eng.º João Silva do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas-ICNF, alertou para a situação de algumas viaturas inoperacionais, mas deixou uma esperança também. A pretensão de Arronches vir a ter a sua equipa de Sapadores, pode estar para breve, com o empenho do Presidente da CIMAA. Sobre esta matéria, Fermelinda Carvalho, enquanto edil e responsável pela Protecção Civil do Concelho, disse que “lutou enquanto Presidente da Câmara” para termos no Município essa equipa de sapadores. Todos os representantes das forças que englobam este comando, que emana da Autoridade Nacional de Protecção Civil, foram peremptórios em reconhecer que, o Concelho de Arronches, por estar integrado na Rede Natura e no Parque Natural da Serra de S. Mamede, deve ter essa equipa de sapadores.
Para o Capitão Janeiro, do Serviço de Protecção da Natureza e Ambiente-SPNA, da GNR, é importante apostar na prevenção. Deu como exemplo os custos (financeiros e ambientais) entre a prevenção e a intervenção. Apelou mesmo à Presidente da Câmara que, também como responsável pela Associação de Agricultores do Distrito de Portalegre, da necessidade da consciencialização dos agricultores para as queimadas. Referiu ainda o Capitão Janeiro que, Arronches, é o Concelho mais seguro (segundo um estudo que citou), mesmo à escala nacional, porque é o que regista menos criminalidade per capita.

DIA 17 ACONTECE | PICAR O PONTO COM O OPERÁRIO FAUSTO DA SILVA RIBEIRO

- Fausto da Silva Ribeiro - 
A Fundação Robinson associa-se à Cooperativa Operária Portalegrense na realização de mais um DIA 17 ACONTECE, assinalando também no dia 17 os 117 anos da criação da Cooperativa, fundada a 29 de Abril de 1898.
Sob um tema orientador – “Fábrica Robinson: quotidiano(s) e sociabilidades” - o 17 ACONTECE de Abril saí de dentro da Fábrica com o objectivo de relacionar a ela outros espaços importantes para a caracterização do operariado industrial portalegrense. Com esse objectivo a actividade PICAR O PONTO vai partir do testemunho do Sr. Fausto da Silva Ribeiro, operário da Fábrica Robinson entre 1964 e 1990. Nascido em 1930 aproveita a experiência acumulada na construção civil e inicia-se na fábrica nos trabalhos de instalação de uma nova caldeira de produção de vapor. Mais tarde assume as funções de guarda-portão. Fausto é também o sócio número 71 da Cooperativa Operária Portalegrense (c. 1955) e ainda pertence aos órgãos directivos desta instituição desde 1970. Tem memórias e experiências de uma instituição criada por 41 trabalhadores da Fábrica Robinson e que ocupou um papel importante na actividade comercial da cidade de Portalegre.
Numa lógica de promoção de iniciativas de cultura em continuidade, que se repete a cada dia 17, com o objectivo de dar a conhecer à comunidade de Portalegre os vários pontos de situação e progressão do projecto para o Espaço Robinson, o DIA 17 ACONTECE integra em 2015 os separadores temáticos CONVERSA NO MUSEU, PICAR O PONTO, ABERTO PARA ESTUDO, procurando sempre uma articulação e continuidade nos vários conteúdos e abordagens propostos.
O DIA 17 ACONTECE realiza-se na Cooperativa Operária de Portalegre, situada na rua da Cooperativa Operária, na próxima Sexta-feira dia 17 de Abril pelas 18h00.

Coudelaria da Qtª do Carrefe (Arronches) na Competição de Saltos de Obstáculos Nacional A

Teve lugar na Sociedade Hípica Portuguesa de Lisboa, nos dias 10, 11 e 12 de Abril, a Competição de Saltos de Obstáculos Nacional A, que contou com a participação da Coudelaria da Quinta do Carrefe (Arronches), com a cavaleira, de 17 anos, Laura Ribeiro, montando Gee P. 
No Concurso marcaram presença 247 conjuntos, entre eles os mais reconhecidos cavaleiros nacionais da actualidade. A Quinta do Carrefe participou na prova de 1,20m, que contou 66 conjuntos, ficando classificada no 6º lugar, no segundo dia de prova, contribuindo assim para mais um êxito do nosso Concelho e da Coudelaria.

Jovens jogadores da Academia de Futebol de Arronches/Atlético, continuam a despertar interesse nas grandes equipas nacionais.

No seguimento do trabalho desenvolvido pela Academia de Futebol de Arronches, os seus jovens atletas continuam a despertar o interesse das grandes equipas nacionais, já com várias chamadas a treinos de observação.
O jovem guarda-redes Rodrigo Velez que já por três vezes esteve em treinos de observação no Sporting de Braga, voltou agora a estar presente no passado dia 12, nos treinos de observação do S.L. e Benfica, no Caixa Campus do Seixal. O mesmo Rodrigo Velez esteve também no dia 13,na companhia do seu colega da Academia, Ricardo Canário, no 4º treino de observação da Selecção Distrital de Sub-13, em Monforte.
Também o jovem Rafael Carvalho (Rafa), esteve no dia 16 de Abril no treino de observação integrando a equipa de Infantis do S.L. e Benfica. O treino decorreu no Campo de Jogos do Casa Pia.


segunda-feira, 13 de abril de 2015

Partido Socialista/Arronches vota contra o Relatório e Demonstrações Financeiras Relativos ao ano 2014 e absteve-se sobre a 1ª Revisão ao Orçamento Municipal. Os documentos foram aprovados com os votos da maioria PSD.

A Reunião de Câmara que teve lugar hoje, nos Paços do Concelho do Município de Arronches, sofreu uma pequena alteração à ordem dos trabalhos, visto que nos mesmos constava a alienação de 5 lotes de terreno para habitação dos loteamentos da Caleja de Santo António e da 3ª fase do Bairro de Santo António. Para que os interessados não tivessem que estar sujeitos a assistir à quase totalidade da reunião, essa alteração estava justificada. Dos cinco lotes foram adquiridos dois, por dois jovens casais. Foi manifesta a satisfação de todos os vereadores porque é a garantia que, à partida, mais dois casais se vão fixar no Concelho, contribuindo assim para que não haja um aceleramento na desertificação deste concelho do interior.
Sem margem para dúvidas que os pontos (politicamente) de maior interesse, era ver com seria a votação do Relatório de Gestão e Demonstração Financeiras relativos ao ano de 2014, e a 1ª revisão ao Orçamento Municipal de 2015 e às Grandes Opções do Plano do Quadriénio de 2015/2018, apresentadas pelo técnico superior do Município, João Catarro.
No primeiro dos casos o Partido Socialista votou contra, apresentando uma declaração de voto e, no segundo caso, optou pela abstenção. Com pontos de vista totalmente opostos, enquanto o PSD defende como estratégia que o dinheiro deve ser bem gerido e esperar por fazer obras deste que as mesmas possam ser candidatadas a Fundos Comunitários, embora admita que com o novo Q.C. algumas delas terão que ser executadas com o dinheiro do Município.
Por outro lado, o Partido Socialista defende na sua declaração de voto, que “verifica-se que a execução orçamental da receita e da despesa” mostra que continua-se a “registar a receita com um maior aumento dos últimos anos”. Já quanto ao Plano Plurianual de Investimento (PPI) “verifica-se mais uma vez, que a sua execução foi extremamente baixa cifrando-se nos 30%”.
Ora isto quer dizer em linguagem mais simplista, que para a oposição a receita aumenta substancialmente mas tem sido executada pouca obra por parte do Município de Arronches.
A Presidente da Câmara face à posição do PS, defende que “há que gerir bem os dinheiros públicos”, e que “assume” essa estratégia. Acrescentou ainda que à população no essencial 
 neste, como no mandato anterior, tudo têm feito para que os arronchenses tenham da parte da Câmara tudo aquilo que necessitam. Até ao final do mandato disse que “ainda há obras para fazer", como prometeu nas eleições aos arronchenses.
Ler mais na edição em papel do Noticias de Arronches

domingo, 12 de abril de 2015

José Garrido nos Mosteiros antes da alternativa na Feira de Sevilha

José Garrido que foi o novilheiro sensação da temporada 2014, triunfando em todas as praças importantes de Espanha, em especial o triunfo em Zaragoza, onde se encerrou com seis novilhos, está a um passo de tomar a alternativa.
O novilheiro estremenho esteve esta tarde na Freguesia dos Mosteiros a tourear umas bezerras a convite de um empresário agrícola da região, do qual o jovem toureiro é amigo da família.
José Garrido vai tomar a alternativa em Sevilha no próximo dia 22 de Abril, com uma corrida de Juan Pedro Domecq (Parladé) tendo como Padrinho Enrique Ponce e de testemunha Sebastian Castella.
O Notícias de Arronches e o Planeta dos Touros, a convite do nosso amigo José Carlos Pereira, teve a possibilidade de registar as imagens e um pequeno vídeo desta passagem de José Garrido pelo Concelho de Arronches, antes da tarde mais importante da sua vida como toureiro.
Reportagem mais desenvolvida com fotos e vídeo em http://planetadostouros.blogspot.com